Sua mente e seu corpo andam sempre juntos

6 Doenças e os seus Sintomas Psicossomáticos

6 Doenças e os seus Sintomas Psicossomáticos

Corpo e mente trabalham juntos para garantir a saúde do nosso corpo. E a Verità Care sabe o quanto isso é importante. Hoje nosso tema será a relação entre 6 doenças e seus sintomas psicossomáticos.

Hipócrates, pai da medicina nos disse: “Mais importante do que saber que doença tem a pessoa, é saber que pessoa tem a doença.”

Isto nos entrega que a maneira como funciona a nossa mente (razão e emoção) tem muito a ver com a doença que deixamos manifestar. Corpo e mente atuam juntos para a saúde ou para a doença. Não adoecemos por compartimentos!

Um enfermidade pode se apresentar em um determinado órgão ou sintoma. Corpo e mente estão envolvidos, um tentando ajudar o outro, um sofrendo com o outro, existe uma comunhão para receber essa informação.

Louise L. Hay, professora e palestrante chancelada na área nos ensina a despertar através de ideias positivas, superar doenças e viver plenamente.

Veja abaixo 6 Doenças e os seus sintomas psicossomáticos:

1- DIABETES E EMOÇÕES

Sem a habilidade em lidar com a ternura e o afeto, os diabéticos não vivem uma relação harmoniosa com as pessoas. Sublimam seus sentimentos, e trazem consigo uma imaturidade emocional.

Dependentes afetivamente, buscam incessantemente atenção, afeto e amor. Porém, não se atreve a procurar abertamente.

Grande número das crises diabéticas são geradas por tensão emocional, geralmente causada pelo reavivamento de sua dependência externa, agravada por uma possível rejeição e perda. Nesse caso se tornam hostis e deprimidos.

  • “O DIABÉTICO não tem uma deficiência absoluta ou relativa de insulina, SOFRE pela FALTA DE DOÇURA NA VIDA! ”. VIVE CONHANDO COM O QUE PODERIA TER SIDO OU TIDO.

Novo padrão de pensamento:

Mudar é uma condição da vida e eu me adapto facilmente. Aceito com gratidão a vida passada, presente e futura!

2- CÂNCER E A EMOÇÃO

Será que alguém está realmente preparado para o diagnóstico de câncer? Quando isso acontece, a primeira atitude é de negação.

Normalmente as pessoas têm problemas em aceitar, pois se trata de um diagnóstico culturalmente temido. Absorver essa informação mexe muito com o emocional dessas pessoas.

  • “NÃO SÃO SÓ CÉLULAS CANCERÍGENAS… EXISTE UMA MÁGOA PROFUNDA QUE DÓI, ONDE A PESSOA RESSENTE FATOS VIVIDOS CONSTANTEMENTE! SEU “EU” VEM SENDO CONSUMIDO POR UM GRANDE SEGREDO OU PESAR, ORIGINANDO ÓDIOS. Pergunta: de que adianta? ”.

Novo padrão de pensamento:

Com amor eu perdoo e liberto todo o meu passado. Escolho agora encher meu mundo de muita alegria. Eu me amo e me aprovo!

3- HERPES, IMUNIDADE E EMOÇÕES

Estudos apontam que pessoas deprimidas estão mais sujeitas a infecções. Entre essas infecções estão o herpes, enterocolites, erisipelas, infecções urinárias, ginecológicas, entre outros.

Há uma variedade de evidências que justificam o relacionamento entre as emoções e vários componentes do sistema imunológico. Isso comprova o agravamento e/ou desencadeamento de uma série de doenças físicas por conta de razões emocionais.

“NÃO É A PELE QUE REAGE MAL, É A EXTREMA SENSIBILIDADE ÀS TENSÕES E AO MEDO DO DIA A DIA QUE EXTERIORIZAM SEUS SINTOMAS NA MESMA!

Novo padrão de pensamento pra ajudar você a combater as 6 Doenças e os seus sintomas psicossomáticos:

Eu me sinto relaxado e em paz porque sinto confiança no meu processo da vida. Tudo está bem em meu mundo!

4- CARDIOPATIAS E AS EMOÇÕES

A doença coronariana, condição para o infarto do miocárdio, tem sido uma das patologias mais estudadas atualmente. Isso ocorre principalmente devido à altíssima incidência em países do primeiro mundo.

A ciência atribui causas multifatoriais envolvidas no desenvolvimento da doença, sendo os mais frequentemente referidos a predisposição genética, tabagismo, hipertensão arterial, elevação dos níveis de colesterol, estresse cotidiano, vida sedentária, obesidade e diabetes.

Inúmeras pesquisas clínicas e experimentais têm relacionado o estresse com a Doença Coronariana. A quantidade de estresse a que se submete o ser humano moderno é cada vez mais intensa, talvez maior que a capacidade adaptativa da maioria das pessoas e, como consequência, nota-se o aumento da incidência de algumas doenças, entre elas a Doença Coronariana.

A ira ou raiva é o estado emocional que com maior frequência se associa à isquemia miocárdica e arritmias mais graves, segundo estudos e apontamentos.

“NOSSO, CORAÇÃO É O CENTRO DO AMOR E DA SEGURANÇA. SE NÃO ESTOU ALEGRE ENDUREÇO E, ASSIM, AS CRENÇAS DE ESTRESSE E TENSÃO ACHAM MORADA! ENQUANTO EU ATRIBUIR MINHA ALEGRIA À OBTENÇÃO DE DINHEIRO, POSIÇÃO E STATUS, MINHAS VEIAS VÃO ENTUPIR…”.

Novo padrão de pensamento:

Meu coração bate em sintonia com o ritmo do amor! Alegria, alegria, alegria. Deixo amorosamente a alegria fluir pela minha mente, corpo e vida!

5- TIREOIDE E A EMOÇÃO

É notadamente conhecida a associação de doenças da tireoide com quadros psiquiátricos, entre os quais as depressões, estados de ansiedade e disfunções cognitivas. Sabe-se atualmente, que mesmo afecções leves, diagnosticadas através de exames laboratoriais simples, podem ter repercussões sobre os estados afetivos e determinar alterações comportamentais.

Dentre as doenças tireoidianas, tanto o hipertireoidismo quanto o hipotireoidismo podem cursar com manifestações psiquiátricas, particularmente transtornos do humor.

“DISFUNÇÕES NA TIREOIDE? VOCÊ SE DEIXA HUMILHAR? FAZ O QUE REALMENTE QUER OU FICA ESPERANDO ETERNAMENTE SUA VEZ? ESSE EXTREMO DESAPONTAMENTO POR NÃO FAZER O QUE DESEJA, DESORGANIZA SEU EQUILÍBRIO INTERNO! DIGA CHEGA!

Novo padrão de pensamento:

Avanço além das velhas limitações e agora me concedo novas permissões para expressar livre e criativamente meus pensamentos e desejos. Devolvo agora o meu poder ao seu devido lugar!

6- ESGOTAMENTO FÍSICO E EMOÇÕES

O estresse e a ansiedade são importantes para o nosso corpo. Eles ajudam na adaptação e na sobrevivência das espécies.

Entende-se, a grosso modo, que é um esforço adaptativo eficaz e bem automático para fazermos uso continuamente.

Se não houver um tempo suficiente para a recuperação desse esforço psíquico, os recursos para a adaptação acabam se colapsando e entrando em escassez. Isso faz com que o estresse desencadeie a ansiedade.

Este é o conceito de esgotamento, segundo o próprio nome, um estado onde nossas reservas de recursos para a adaptação se acabam!

“VOCÊ ESTÁ EXAUSTO? O ESTRESSE ESSTÁ ASSOLANDO SEUS DIAS? DIMINUA SUA RESISITÊNCIA DIANTE DA VIDA, QUE O TÉDIO VAI CEDER. RECUPERE O AMOR PELO QUE FAZ, SÓ ASSIM VOLTARÁ A SE SENTIR INTEIRO, VIVO, DISPOSTO PARA O NOVO!

Novo padrão de pensamento:

Tenho  entusiasmo pela vida e me sinto repleto de energia e vitalidade.

Expressões para combater 6 Doenças e os seus sintomas psicossomáticos:

  • O sentimento de raiva afeta diretamente o nosso sistema imunológico.

Repense

Apenas 1 minuto de raiva faz com que o organismo leve 6 horas para recuperar suas defesas!

  • Os cabelos representam nossa força, quando estamos tensos e assustados, criamos uma faixa de aço que se originam nos músculos do ombro, sobem para o alto da cabeça e atingem até os olhos. Se a tensão é continuada, o couro cabeludo fica em constante contração. O resultado disso é a calvície!
  • Os olhos representam a capacidade de ver. Quando existem distúrbios
  • A ausência deprime, porém, uma presença dolorosa enlouquece.
  • Você percebe que amadureceu quando sabe que tem muitas coisas para dizer, porém escolhe manter a calma e fazer silêncio para evitar mágoas e dores desnecessárias.
  • Será que todos os nossos problemas são tão grandes como imaginamos?
  • A mudança que #VC quer está na decisão que você não toma.
  • EVITE ESTIMULANTE: Pessoas que sofrem de Transtorno de Pânico devem evitar o consumo de cafés, energéticos, drogas, chá verde, álcool e cigarros.
  • Ser tenso não é ser forte. A tensão é fraqueza.
  • Cuide bem da sua mente, é nela que #VC mora.
  • Transtorno de Personalidade BODERLINE: Explosões de raiva, tristeza, impulsividade, teimosia, apego afetivo, desespero, descontrole emocional, medo de rejeição, insatisfação pessoal.
  • Jamais despreze uma pessoa deprimida. A depressão é o último estágio da dor humana. É a fase exata onde a alma dói de verdade.

Related Posts
Leave a Reply

Your email address will not be published.Required fields are marked *